segunda-feira, 23 de março de 2009

Mais um pouquinhoo!!!

Parece me que a agenda ta começando a lotar... Como dissia um primo meu... Altos contatosss.. hehehe

É nunca fui "a popular" mas sempre tive amigos... Gosto disso e creio que é o mais importante de tudo né... Creio que me encaixo muito bem naquele poema de Vinicius de Morais...

Amigos
Tenho amigos que não sabem o quanto são meus amigos. Não percebem o amor que lhes devoto e a absoluta necessidade que tenho deles.
A amizade é um sentimento mais nobre do que o amor, eis que permite que o objeto dela se divida em outro s afetos, enquanto o amor tem intrínseco o ciúme, que não admite a rivalidade. E eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos! Até mesmo aqueles que não percebem o quanto são meus amigos e o quanto minha vida depende de suas existências ...
A alguns deles não procuro, basta-me saber que eles existem. Esta mera condição me encoraja a seguir em frente pela vida. Mas, porque não os procuro com assiduidade, não posso lhes dizer o quanto gosto deles.
Eles não iriam acreditar. Muitos deles estão lendo esta crônica e não sabem que estão incluídos na sagrada relação de meus amigos.
Mas é delicioso que eu saiba e sinta que os adoro, embora não declare e não os procure.
E às vezes, quando os procuro, noto que eles não tem noção de como me são necessários, de como são indispensáveis ao meu equilíbrio vital, porque eles fazem parte do mundo que eu, tremulamente, construí e se tornaram alicerces do meu encanto pela vida.
Se um deles morrer, eu ficarei torto para um lado.
Se todos eles morrerem, eu desabo!
Por isso é que, sem que eles saibam, eu rezo pela vida deles.
E me envergonho, porque essa minha prece é, em síntese, dirigida ao meu bem estar. Ela é, talvez, fruto do meu egoísmo.
Por vezes, mergulho em pensamentos sobre alguns deles.
Quando viajo e fico diante de lugares maravilhosos, cai-me alguma lágrima por não estarem junto de mim, compartilhando daquele prazer...
Se alguma coisa me consome e me envelhece é que a roda furiosa da vida não me permite ter sempre ao meu lado, morando comigo, andando comigo, falando comigo, vivendo comigo, todos os meus amigos, e, principalmente os que só desconfiam ou talvez nunca vão saber que são meus amigos!
A gente não faz amigos, reconhece-os.
(Vinicius de Moraes)

Gente como as coisa andam , com as pernas hahaha. Brincadeirinha...

Ando assim meio sei lá, estou fazendo tudo mas nada que me agrade tanto. Ultimamente meu sorrizo é triste, minha alegria é infelicidade, meu coraçãos está perdido dentro de mim e não sei onde me encontra. Sinto que luto e luto e quanto mais esforços que eu faça nada é como era, nada me da mais alegrias.
Aquelas alegrias pequenas não são mais notadas, não tocam o coração. Creio que coloqueio num lugar dentro de mim onde não posso mais alcançar. Falar (ou escrever) não há como descrever o vazio e a tristeza que trago no coração. Tudo que eu acreditava ser fiel a mim, não é, tudo que eu esperava que não me seria tirado foi.
Então o que fazer ?

Voltar a acreditar não há como, não há forçar nem um minimo de esperanças para se agarra e permanecer aqui. Sei que lá longe não é um lugar tão melhor do que aqui, mas lá não terei de ver as coisa que me trazem lembranças de um tempo que, como diz as musicas, não voltam mais.

Sei que isso pode parecer algo sem sentido mais não, você que se dispois a lê, poderia até entender se eu lhe expicasse, e quem sabe se descobriria que sente o mesmo ou até vive situação semelhante. Mas deixaremos isso pra lá...Esquecer nunca mas deixa lás em um cantinho para um dia poder joga-las fora.

Bjusss Tristes...

Festass!!!



Dale Dale galera!!!


Então quinta teve o trote dos nossos calouros foram muitos e muitos momentos inesqueciveis.

Eles ficaram bem suginhos e fedidos...Hahaha tanto que até o dono do bar, onde o pessual foi se reuinir, não queria deixar eles entrarem porque eles estavam sujos de mais hahahaha.

Descobri que calouro não sabe bebe... Imagino que seja pela adrenalina do trote eles ficam sem controle e depois ficam passando mal... Mas enfim foi divertidissimo...

Na sexta fomos, eu, o Dodo e a mais uma amiga para festa da cidade, São José dos Pinhais, que teve várias bandinhas conhecidas aqui como Palets, Alcateia e até, por incrivel que pareça o CPM 22. Conseguimos ficar na segunda fila. Deu pra tirar umas fotosss muito mal, mas deu...

Pode não parecer mas é o Badauii ---->>>
Bom não há muito o que falar tentei me divertir mas tenho que voltar a realidade que não me "apetece" em nada.
Se ao ouvir o trecho ds musica me vem lembraças ,"Perceber que quem se ama, já não se importa com você. Acordar sozinho ouvindo som da sua TV", seguir o que diz a música é o que me serve de melhor opção no momento, "Chegou a hora de recomeçar e acreditar que pode ser melhor assim".
Triste não?! Mas vamos lá seguir a música.

quinta-feira, 19 de março de 2009

Nada melhor que antes

Sim sim ainda num estado deploravel. Amanha espero eu isso de uma animadinha. Sexta aqui em São José dos Pinhais vai te show do CPM22, isso é bem legal se formos compara que não há muitos shows "grandes" assim aqui. Tudo sempre rola em Curitba. Eu vou nem sei se vai ser legal mas vou, desanuviar um poco.

Para que o post não fique tão pequeno coloquei uma poesia que acho muito linda!!

Um soneto de Vicente de Carvalho... Que fala da felicidade e num final, o qual, eu acho o maximo, ele dis que colocamos a felicidade onde nunca estamos, e é verdade. Ficamos imaginando que se tivermos isso ou se fizermos tla coisa teremos a felicidade mas quando alcançamos assas coisas, imaginamos novos "degraus" para alcancar a felicidade, portamos não teremos nunca alcançados a tal felicidade.

Felicidade

Só a leve esperança, em toda a vida,
Disfarça a pena de viver, mais nada:
Nem é mais a existência, resumida,
Que uma grande esperança malograda.

O eterno sonho da alma desterrada,
Sonho que a traz ansiosa e embevecida,
É uma hora feliz, sempre adiada
E que não chega nunca em toda a vida.

Essa felicidade que supomos,
Árvore milagrosa, que sonhamos
Toda arreada de dourados pomos,

Existe, sim : mas nós não a alcançamos
Porque está sempre apenas onde a pomos
E nunca a pomos onde nós estamos.

Todos os direitos reservados ao autor (Vicente de Carvalho) 1866 / 1924

domingo, 15 de março de 2009

Sei lá...

Bom tô meio assim sei lá... Sabe aquele dia que você acha que fez tudo errado e no minuto seguinte que fez tudo certo. Você quer fugir e quer ficar no lugar. Quer Morrer e Viver, estar em casa e nunca mais voltar.

Me pergunto onde estão os contos de fadas, não há só a bruxa má, todos são maus. Não há uma fada madrinha ou alguém que lute ao meu lado pelo mesmo objetivo, pelo simples fato de querer me ver feliz... Onde está o princepe encantado... que chegará no calvalo branco e aparecerá "E viveram felizes para sempre".

Uma angustia me percegue, talvez pelo fato de que não sou o que desejei ser, não sou o que desejaram que eu fosse. Não sou nada? Sou que não há explicação, não sei me decifrar, não sei entender, não sei me libertar, não sei ser grande. Não deixo mais o coração me levar, não acredito nas pessoas. Algo que em mim não era tão forte, tão resistente, se quebrou e não há como ser colado, não há como colocar outro lugar, não há como desfazer coisas que foram feitas, não há como esquecer coisas ditas, há apenas um vaziu, o medo de deixar, nem que seja, aos poucos de ser humano. Meu triste coração já não bate omo antes já não ama como antes, já está tão maltratado, o coitado, que nem se atreve a ser um coração de verdade...

Meu riso é apenas uma demontração, oposta do que sinto não me atrevo a ser o que eu queria pois merdi o geito menina, aquele que toda mulher tem, não achei o jeito de mulher, que toda menina traz com sigo. O que fazer??

Sorry... Digo coisas sem sentido mas não sei dizer de outra maneira... Li um negocio que talvez explique.

"A palavra que é escrita
Talvez seja a que mais fala
Traduz o que o peito grita
Sempre que a boca se cala" - Mirian Panighel Carvalho

Bjus e que seremos felizess

sábado, 14 de março de 2009

The life!!

Desculpa meu egocentrismo nos ultimos post... Mas decisões tomadas pelas pessoas são importantes e nos afetam grandemente. E nem sempre nos afentam de maneira positiva!
Aquela minha amiga que eu falei que estava mals, já melhorou e está em casa, mas ainda não está 100%.
Como disse o Anjo Gabriel no filme Constatini... "É só no dessespero e na dor que o homem, procura Desu" , se ele num disse isso foi algo parecido :P
Então estava olhando esses e-mails que a gente recebe de mensagens, entre elas achei uma falando de Deus. Que ele cita vários trechos da bíblia, não que eu seja uma pessoa que se apega tanto na religião, e em poucas ocasiões ela vem em primeiro lugar na minha vida, talvez isso não seje muito bom. Voltando a história li o e-mail dae anotei os trechos e hoje estava lendo de me deparei com o salmo 23, que mesmo você que não lê a bíblia conhece um pedacinho.
"1 O Senhor é meu pastor; nada me faltará." "4 Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo;"
São sim textos bem conhecidos e não sei me chamou a atenção, sei que não tem nada de mais mas essa do vale da morte he muito forte, sei que meus problemas não são tão horriveis assim mas é um problema com outro e outro que nem dá pra resolve direito. Tliste tliste....

Nós falamos coisas das quais, torcemos para não termos que realmente faze-lás, mas, creio eu, que se isso for um principio promordial, como é para mim, não devemos deixar de fazer. Não é?!
Humm. Ficou abstrato o negocio né! Vou esclarecer a história é assim:
Prometi a uma certa pessoa, que se ela fizesse uma certa coisa, eu deixariam ,imediatamente, de falar com essa pessoa. Não que eu não goste de pessoa, pelo contrário amo-a muito. Mas se ela fizer essa coisa, creio que ela vá sofrer, tremendamente, e não posso "compactuar" com isso. Detesto que as pessoas tenhão que escolher entre mim e "alguma coisa" mas essa é a minha maneira de tentar "protege-la". Deu para entender? Pode não ser o correto e pode fazer essa pessoa sofrer, mas não consiguiria dar um apoio "sensato" se essa pessoa fizesse isso. Não acredito que se essa pessoa fizese essa coisa ela será feliz.
Odeio esse meu lado frio, duro, racional. Mas a descrença nas pessoas me fez assim. Não dizem que "o homem é o reflexo do meio em que vive"? Então meu meio não é tão ruim assim, mas as situações puderam fazer isso comigo.

quarta-feira, 11 de março de 2009

Net!!

Bom galera esse negocio de internet é algo viciante né. Tava aqui refletindo a uns 5 anos atrás eu fiz um e-mail pra mim usar no msn. É claro só usava uma vez por semana e olhe lá.

Hoje tenho além desse mais outros 3 e-mails pessoais, haha são muitos eu sei. Parei para ver o quanto eu fico sem "net" e calculei que cerca de duas horas e meia eu passo conectada a rede, fazendo coisas extra trabalho é claro. Olhando orkut, vistoriando e-mails, postando, tá eu sei que aqui não é sempre, fazendo pesquisas para trabalhos e sobre futilidades. Tenho mais 2 e-mails de trampo, enfim a internet é uma coisa das quais sinto muita falta, só perde para as musicas!!

Segundo a revista Info do mês passado, o Rafinha Bastos deu uma "reportagem" que não seria nada sem a net, e á varias pessoas que tem alcançado a "fama", pela net, por exemplo,tem uma banda da qual eu gosto mesmo que começou pela net, como muitas que tem surgido.
É possivel encontrar qualquer coisa na interner, revistas, livros e pesquisas na internet são muito mais rápidas que nos livros, embora que pesquisas nos livros ainda são muito usadas.

Tem um blog de qual ando apreciando muito é o Bebidinhas, nele tem várias coisas sobre bebida, bares, e coisas curiosas tudo sobe bedida há vários colaboradores no blog.

Sei que esse post não tem muitas coisas uteis mais estou deixando-o aqui para... Sei lá né! Evoluirmos assim posso que sabe fazer aquela ideia inicial, de colocar coisas mais divertidas né? Porque fica falando só de mim não é tão interresante e não estou afim de ficar pensando na minha vidinha né!

domingo, 8 de março de 2009

Como fica??

Então gente tive minha crise semana passada, mas deixe-me divertir um poco sexta... Tivemos festa lá no Campus do Politécnico, foi bem divertido.

Esse fim de semana eu e o Dodo (meu irmão), passamos sozinhos, alugamos uns Dvd's e assistimos. Pegamos Resident Evil - Degeneration, bom mas eu não curto muito filmes com aquele tipo de computação gráfica mas o filme é bom. Tinha também Viajem ao Centro da Terra, é legal adoro aquele cara que faz A Múmia, ri o um monte. Tinha um tal de D-war, é um de dragões mais é muita viagem para mim, num gostei. E por fim As crônicas de Narnia - Principe Caspian, hahaha faz tempo que esse filme já lançou mas eu num tinha visto então gostei muito muito adoro filmes assim.

Tenho alguns planos para mim, creio que polos em prática vai demora um poco mais assim que as coisas forem acontecendo vai dar pra saber quais são eles.


Ah estou a procura de novos livros para lêr... Não precisa ser novo, assim ideias , agora sem acento, são sempre bem vindas!!

Em homenagem do cometario do post anterior :

Soneto do amigo
Enfim, depois de tanto erro passado
Tantas retaliações, tanto perigo
Eis que ressurge noutro o velho amigo
Nunca perdido, sempre reencontrado.

É bom sentá-lo novamente ao lado
Com olhos que contêm o olhar antigo
Sempre comigo um pouco atribulado
E como sempre singular comigo.

Um bicho igual a mim, simples e humano
Sabendo se mover e comover
E a disfarçar com o meu próprio engano.

O amigo: um ser que a vida não explica
Que só se vai ao ver outro nascer
E o espelho de minha alma multiplica...

Vinicius de Morais
Los Angeles, 07.12.1946

terça-feira, 3 de março de 2009

Inicio das aulas!!!

Então primeiro dia de aula, quem acha que a gente foi pra sala. Está totalmente enganado... Fomos pro bar. Não tinha lugar no bar, então fomos pro outro lado da rua, sentamos e bebemos.

Não passei bem não, mas enfim to bem na medida do possivel...
Bom fotos tem lá no meu Orkut... Foi divertido... Aula só segunda que vem!!!

Como eu disse que esse ano seria diferente tem sido, carnaval na praia, ah pintei o cabelo, mas ainda esta muito escuro então não aparece que está azul nas fotos, quando aparecer na foto coloco uma aqui.

Recebi uma noticia triste uma amiga muito querida passou por momentos muito dificies e eu não estava lá para ajudar. Não que eu não quisesse ajudar, mas sim porque me afastei um pouco dos meus amigos. O motivo? Preservar neles a pessoa que eu era e que fujiu de mim. Ser uma pessoa feliz não é apenas sorrir. Sinto que me afasto de mim sem saber quem sou!
Sorry !!! Passei a volta para casa pensando.
O quanto uma pessoa pode aguentar? Quem pode nos amparar se você cair? Porque as vezes vcocê está andando na borda de um posso sem fundo e por um, apenas um segundinho, você se atrapalha e cai. E quem, quem vai passar perto da borda do posso e te ouvir e te tirar do posso. E você torce que tenha alguém e se ninguém estiver lá, como você vai sair?? Agarar as paredes do posso e sair, perdendo a cada pedaço da subida um pedaço da sua mão e com ela um poco da sensibilidade e quando você subir, se cponseguir, vai olhar as mãos e descobrir que perdeu algo que não lhe era tão essencial á você mas que, definitivamente, era! E assim pasará a viver de maneira diferente. Sendo um virtorioso por sair de lá sozinho, mas sem ter a sensibilidade tão necessária ao ser humano.